Bem Vindo ao Blog do PSB da Paraíba! Agradecemos a sua visita.

.

sábado, 20 de dezembro de 2008

PSB divulga nota com posição em relação à crise econômica mundial


O Partido Socialista Brasileiro (PSB) divulgou nota sobre a sua posição em relação à crise econômica mundial.


No texto, que é assinado pelo presidente Nacional da legenda, Eduardo Campos, são relacionados seis pontos que a sigla defende como sendo prioritários. Entre eles, estão a implantação de medidas tributárias capazes de estimular a geração de empregos e a criação de políticas mais ativas de combate aos desequilíbrios regionais. Confira abaixo a íntegra da nota.


DIRETÓRIO NACIONAL DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO

NOTA SOBRE A CRISE ECONÔMICA MUNDIAL


Reunido no Recife, capital do estado de Pernambuco, em 11 de dezembro de 2008, o Diretório Nacional do Partido Socialista (PSB) torna pública, pela presente nota, sua posição sobre a crise econômica mundial e seus desdobramentos no País:


1. O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro crescerá acima de 5% (cinco por cento) em 2008, em prosseguimento à série de avanços registrados nos últimos anos. Ainda assim, 2009 se apresenta com uma interrogação: o Brasil terá como manter taxas positivas frente à crise presente do capitalismo? Trata-se de um enorme desafio, que deve ser enfrentado não apenas pelas vias convencionais das formulações econômicas. Ele demanda o aprofundamento do debate político, em torno da superação dos obstáculos, que vá além de arranjos que apenas tentem remediar o novo impasse do capitalismo.


2. Crises cíclicas são inerentes ao capitalismo, de modo especial em economias desregulamentadas. Na crise atual, fruto do modo de acumulação capitalista, as saídas que estão sendo trabalhadas buscam apoio na ação dos governos e nos benefícios e empréstimos dos bancos públicos, contrariando o fundamentalismo neo-liberal. O Brasil precisa refletir profundamente sobre essa lição. Neste País, por décadas, se assistiu ao desmonte planejado do Estado e à imposição de um “pensamento único” que depositava, nas mãos do mercado, a solução para os problemas nacionais. O resultado foi concentração de renda, fragilidade financeira e incapacidade de o Estado atuar soberanamente em contextos de riscos.


3. Deixar evidente, como toda clareza, a falência do modelo neo-liberal é a primeira oportunidade política que a crise oferece às forças populares e progressistas. A segunda oportunidade é avançar em soluções que tenham por objetivo não salvar apenas banqueiros e grandes empresários que apostaram no entesouramento e na especulação. Mas sim investir naquelas que se orientem pelas necessidades concretas da imensa maioria de trabalhadores do campo e das cidades, assalariados, profissionais liberais, pequenos e médios empresários brasileiros, maiores vítimas de um processo de retração econômica.


4. Dessa forma, defende o Diretório Nacional do PSB:


a) o fortalecimento do mercado interno, mediante políticas que garantam a oferta de crédito para as famílias e as empresas e o poder de compra dos salários;

b) a manutenção e ampliação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), notadamente no que concerne a obras de infra-estrutura e em setores estratégicos;

c) a ampliação dos programas de proteção social, especialmente os direcionados para as famílias mais pobres, os desempregados e os jovens;

d) a adoção de uma nova política de juros, que faça crescer os investimentos e responda à retração econômica imposta pela crise financeira mundial; bem como ter atenção especial aos ataques especulativos da nossa moeda;

e) a implantação de medidas tributárias capazes de estimular a geração de empregos nas zonas urbana e rural;

f) políticas mais ativas de combate aos desequilíbrios regionais.


5. Entende o Diretório Nacional do PSB que o Brasil, pela solidez de suas reservas, dimensão de seu mercado interno, diversidade e riqueza de seus recursos naturais, tem as condições necessárias para enfrentar os efeitos da crise e dela sair ainda maior nos campos econômico, social e político. Mas para tanto é essencial que, em nenhum momento, se perca, na busca de soluções, o foco dos interesses dos trabalhadores e dos excluídos.


Nesse sentido, o PSB exercerá, por dever, a crítica política, com firmeza e lealdade, em nome do País soberano, justo e democrático que estamos construindo, com a força e a unidade de todos os brasileiros.


Recife – PE, 11 de dezembro de 2008


Governador Eduardo Campos

Presidente Nacional do PSB

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Contas em dia: Ricardo é destaque nacional no Congresso em Foco

Contas em dia: Ricardo é destaque nacional no Congresso em Foco

Matéria publicada nesta quarta-feira (17) pelo site nacional especializado em cobertura política “Congresso em Foco”, um dos mais lidos do país, destaca o Prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB) como um dos seis Prefeitos eleitos nas capitais que conseguiu prestar contas à justiça eleitoral, sem precisar de novos recursos após o pleito de outubro último.

O site cita textualmente o nome de Ricardo Coutinho, ao lado de outros cinco vitoriosos em primeiro turno e lembra que os outros eleitos corriam o risco de não serem diplomados e tomar posse por conta das restrições da Justiça eleitoral.

Entre os que disputaram o segundo turno, somente Duciomar Costa (PTB), reeleito em Belém, não precisou de novos aportes financeiros após 26 de outubro.

Veja abaixo o texto do site Congresso em Foco,

Reforço de R$ 19 milhões para prefeitos eleitos
Dos 26 eleitos nas capitais, só seis não precisaram de novos recursos após eleição para acertar prestação de contas e escapar de punição

Dos 26 prefeitos eleitos em outubro, 20 receberam, ao todo, R$ 19 milhões após a eleição em doações de pessoas físicas e jurídicas ou dos comitês partidários. A quantia representa 16,3% dos R$ 117 milhões arrecadados pelos candidatos vitoriosos nessas cidades durante a campanha. Caso não recebesse a injeção financeira após a disputa das urnas, parte deles corria o risco de não poder ser diplomada e tomar posse por conta das restrições da Justiça eleitoral.

Em números absolutos, quem mais levantou recursos após a eleição foi o novo prefeito de Belo Horizonte (MG), Márcio Lacerda (PSB). Eleito em coligação com o PT e com o apoio informal do PSDB, o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais recebeu R$ 6.054.093,38 após derrotar o deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG) no segundo turno.

A maior doação que Lacerda recebeu foi de R$ 500 mil, feita pelo diretório nacional do PSB. Com isso, ele subiu sua arrecadação para R$ 17.545.331,61, um aumento de 34,5%.

Dos 15 que saíram vitoriosos já no primeiro turno, somente cinco não registraram doações depois de 5 de outubro. São eles os prefeitos reeleitos: Raimundo Angelim (PT), de Rio Branco (AC); Roberto Sobrinho (PT), de Porto Velho (RO); Ricardo Coutinho (PSB), de João Pessoa (PB); Cícero Almeida (PP), de Maceió (AL), e Luizziane Lins (PT), de Fortaleza (CE).

Já dos 11 candidatos que tiveram que enfrentar mais três semanas de campanha e um novo turno de eleição, somente Duciomar Costa (PTB), reeleito em Belém, não precisou de novos aportes financeiros após 26 de outubro.

FONTE: http://congressoemfoco.ig.com.br/Noticia.aspx?id=25897

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Encontro do PSB reuniu Prefeitos, Vice e Vereadores na Paraíba


O Partido Socialista Brasileiro na Paraíba (PSB-PB) reuniu nesta quarta-feira (10) os gestores e legisladores municipais eleitos em outubro pela legenda do PSB e pelos partidos aliados, no “I Seminário Estadual de Gestão Municipal de Políticas Públicas”.

A mesa de abertura foi composta pelo presidente estadual do PSB, Ricardo Coutinho, presidente estadual do PT, Anselmo Castilho, presidente estadual do PCdoB, Agamenon Sarinho, presidente estadual do PTC Jaime Carneiro, presidente estadual do PPS, José Bernardino, pelo Prefeito eleito de Cajazeiras, Léo Abreu, representando todos os prefeitos, a Vereadora eleita, Dorinha, de Juru, representando toda a bancada de parlamentares mirim do PSB, pelos Deputados Estaduais Carlos Batinga e Guilherme Almeida, além do Vice-Presidente estadual do PSB, Edvaldo Rosas, que coordenou os trabalhos.
Após a abertura, o Prefeito Ricardo Coutinho expôs um resumo da experiência da administração socialista na capital, destacando os principais obstáculos encontrados, as saídas construídas e os principais programas e projetos que se tornou a marca da administração do PSB em João Pessoa, a exemplo do Empreender-JP, Orçamento Democrático, programa habitacional, além dos avanços na área da saúde e das parcerias com o Governo Lula.

Após esta exposição, foi formada uma nova mesa, composta pela Secretária Municipal de Habitação, Emília Correia, pelo Secretário de Desenvolvimento da Produção, Raimundo Nunes, pela Secretária de Transparência, Estelizabel e pelo Superintendente da CONAB na Paraíba, Ângelo Viana, que expuseram de forma sucinta os principais projetos de cada órgão, como uma forma de contribuir com a elaboração de projetos, captação de recursos e cumprimento da legislação fiscal, criando as bases para uma boa administração. Nestas sexta (12) e sábado (13), o PSB realiza seminário nacional em Recife-PE, reunindo os 310 prefeitos eleitos no país.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

PSB paraibano reunirá eleitos 2008 em seminário estadual


O Partido Socialista Brasileiro na Paraíba (PSB-PB) reunirá nesta quarta-feira (10), à partir das 9:00h, no Auditório Máster do SEBRAE, em João Pessoa, a nova geração de gestores e legisladores municipais eleitos em outubro, pela legenda do PSB e partidos aliados, no “I Seminário Estadual de Gestão Municipal de Políticas Públicas”.

De acordo com o Vice-Presidente Estadual do PSB, Edvaldo Rosas, hoje o PSB já é o terceiro maior partido da Paraíba, emergindo das urnas de 2008 como um dos que mais cresceu dentro do Estado, atingindo mais de 370 mil votos.

Segundo Rosas, em 2000, o PSB contava apenas com 1 prefeito e 6 vereadores; em 2004, subiu para 6 prefeitos e 24 vereadores; em 2006, elegeu 3 deputados estaduais e 2 federais; e, agora em 2008, a legenda saltou para 13 prefeitos, 19 vice-prefeitos e 127 vereadores, em 196 municípios dos 223 que compõem o estado da Paraíba. Isso, sem contar as dezenas de prefeituras aliadas, em que compusemos a coligação das chapas vitoriosas.

Este I seminário, reunindo prefeitos (as), vice-prefeitos (as) e vereadores (as) do PSB e de partidos aliados, é uma forma de contribuir com a elaboração de projetos, captação de recursos e cumprimento da legislação fiscal, para que esta nova geração de gestores e legisladores possa superar os obstáculos que serão encontrados, e, criar as bases para uma boa administração.

A pauta do encontro, que será aberto às 9h, inclui palestras e debates sobre a economia paraibana contemporânea, elaboração de convênios com o Governo Federal, Lei de Responsabilidade Fiscal, prestação de contas e orçamento participativo. “Vamos também discutir a questão política do estado e a dimensão que tem o partido dentro da atual conjuntura”, disse Edvaldo Rosas.O Encontro da Paraíba precede o seminário nacional do PSB que vai ocorrer na sexta (12) e sábado (13), em Recife-PE, reunindo os 310 prefeitos eleitos no país.


EVENTO: “I Seminário Estadual de Gestão Municipal de Políticas Públicas”.
DATA: quarta-feira, 10/12/2008
LOCAL: Auditório do SEBRAE – Bairro dos Estados – João Pessoa – PB

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Imprensa paraibana elege Ricardo Coutinho o ‘Destaque Político do Ano’


Por mais uma vez e com uma votação recorde (registrando 83 indicações de um universo de 100 votos possíveis), a imprensa do estado da Paraíba elege o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), o ‘Destaque Político do Ano’. Esta de 2008 é a quinta edição da pesquisa (a segunda promovida pelo Conselho Editorial do site Paraibanews.com – as outras três foram realizadas pela revista A Semana) e o prefeito Ricardo Coutinho foi o mais votado em todas elas.

Na enquete deste ano, realizada no período de 28 de outubro a 25 de novembro, Ricardo obteve 83 votos. Sempre seguindo os mesmos critérios, as votações dele nos anos anteriores foram as seguintes: 74 votos em 2007, 65 votos em 2006, 71 votos em 2005 e 72 votos em 2004.

Na pesquisa 2008, o segundo lugar ficou com o prefeito reeleito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB), com 45 votos, repetindo a colocação obtida por ele na primeira edição da enquete, em 2005, quando obteve 38 votos.

Mesmo com o mandato cassado por três vezes pelos Tribunais Regional Eleitoral (TRE) e Superior Eleitoral (TSE), o governador Cássio Cunha Lima (PSDB) registra o terceiro lugar na categoria ‘Política’, com 24 votos, apenas dois à frente do deputado federal Luiz Couto (PT), em quatro lugar.

Com direito a indicar três nomes para o ‘Destaque Político de 2008′, cada um dos 100 profissionais da imprensa paraibana responderam à seguinte indagação: “Na sua opinião, quais foram os três políticos ou administradores públicos de destaque no cenário paraibano no ano de 2008? (Obs.: podem ser pessoas com ou sem mandatos eletivos; secretários de estado ou municipais; diretores e dirigentes de órgãos públicos em qualquer nível de Poder ou de agremiações político-partidárias; partidos políticos; vereadores, prefeitos e vice-prefeitos (eleitos, reeleitos ou não); governador; deputados estaduais ou federais; senadores; lideranças políticas etc.)”.

A seguir, a votação completa registrada na categoria ‘Política’:

1º LUGAR – 83 votosRicardo Coutinho (prefeito de João Pessoa, do PSB).

2º LUGAR – 45 votosVeneziano Vital do Rego (prefeito de Campina Grande, do PMDB).

3º LUGAR – 24 votosCássio Cunha Lima (governador da Paraíba, do PSDB).

4º LUGAR – 22 votosLuiz Couto (deputado federal, do PT).

5º LUGAR – 09 votosNonato Bandeira (secretário da Comunicação Social de João Pessoa).

Resultados dos anos anteriores:

2007 – 1º lugar: Ricardo Coutinho (74 votos); 2º lugar: Cássio Cunha Lima (23 votos); 3º lugar: Veneziano Vital do Rego (20 votos); 4º lugar: José Maranhão (16 votos); 5º lugar: Rômulo Gouveia (11 votos); e 6º lugar: Arthur Cunha Lima e Gervásio Maia Filho (10 votos).

2006 – 1º lugar: Ricardo Coutinho (65 votos); 2º lugar: Cássio Cunha Lima (40 votos); 3º lugar: Rômulo Gouveia (25); 4º lugar: Luiz Couto e Veneziano Vital do Rego (12 votos); 5º lugar: José Maranhão, Manoel Júnior e Roberto Cavalcanti (9 votos); e 6º lugar: Frei Anastácio (8 votos).

2005 – 1º lugar: Ricardo Coutinho (71 votos); 2º lugar: Cássio Cunha Lima (20 votos); 3º lugar: Rômulo Gouveia (18 votos); 4º lugar: Veneziano Vital do Rego (17 votos); 5º lugar: Efraim Morais (15 votos); e 6º lugar: Frei Anastácio (13 votos).

2004 – 1º lugar: Ricardo Coutinho (72 votos); 2º lugar: Veneziano Vital do Rego (38 votos); 3º lugar: Rômulo Gouveia (25 votos); 4º lugar: Nadja Palitot (14 votos); 5º lugar: Manoel Júnior (12 votos); e 6º lugar: Cássio Cunha Lima, Cícero Lucena e Efraim Morais (9 votos).

Os 100 jornalistas que votaram:
Acir Neto, Adaucélia Palitot, Adelson Barbosa, Adenílson Maia, Alessandra Bernardo, Alexandre Freire, Alexsandra Tavares, Ana Felipe, Andréa Batista, André Gomes, Angélica Lúcio, Anne Shirley, Antônio Hilberto, Antônio Oliveira, Bernardo Shermam, Beth Torres, Bia Melo, Carlos Aranha, Carolina Barroca, Cassiana Ferreira, Cecília Noronha, Cláudia Carvalho, Clílson Júnior, Clóvis Gaião, Clóvis Roberto, Cristiano Teixeira, Cristina Cavalcante, Cristovam Tadeu, Edmílson Lucena, Edmílson Pereira, Eliseu Calisto, Émerson Machado, Eri Alves, Fábio Cardoso, Fátima Sousa, Fernando de Oliveira, Fernando Moura, Fernando Rodrigues, Francisco França, Franco Ferreira, Glaudenice Nunes, Gílson Ricardo, Gílson Souto Maior, Girlan Idalino, Hacéldama Borba, Henrique Lima, Henriqueta Santiago, Hermes de Luna, Heron Cid, Ivanildo Viana, Jackson Bandeira, Janaína Macedo, Janildo Silva, Jean Carlos, Joacil de Souza, Joanildo Mendes, João Camurça, João Costa, Jorge Rezende, Jorge Silva, José Cabral, José Carlos dos Anjos, José Maria Fontinelli, José Marques, Judivan Gomes, Lenílson Guedes, Lílian Moraes, Lívia Karol, Luiz Conserva, Luiz Vaz, Madrilena Feitosa, Manoelito Freire, Manoel Raposo, Marcela Sitônio, Márcia Dias, Marcone Campos, Marcos Oliveira, Marly Lúcio, Maurício Barros, Miranda Cândido, Naílson Júnior, Nara Valuska, Nice Almeida, Núbia Ramos, Nyll Pereira, Otacílio Trajano, Pessoa Júnior, Petrônio Torres, Richele Bezerra, Renata Ferreira, Roberto Targino, Róbson Nóbrega, Rúbens Júnior, Sales Fernandes, Suely Gonçalves, Suetôni Souto Maior, Thiago Moraes, Wagner Lima, Walter Rodrigues e Wellington Sérgio.

(FONTE: http://www.paraibanews.com/)

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

PSB paraibano reunirá prefeitos eleitos em seminário estadual

O PSB vai reunir os 13 prefeitos e 19 vices-prefeitos eleitos pelo partido no dia 10 de dezembro para troca de experiências, numa reunião preparatória para o seminário nacional da legenda que vai ocorrer nos dias 12 e 13 de dezembro, em Recife, informou nesta quinta-feira, 20, Edvaldo Rosas, Vice-Presidente da executiva Estadual.

“O partido vai promover um encontro com os prefeitos e vice-prefeitos eleitos para troca de experiências administrativas a partir da gestão de João Pessoa”, disse Rosas.

Na agenda do encontro, discussões sobre orçamento participativo, elaboração de convênios com o Governo Federal e prestação de contas. “Vamos também discutir a questão política do estado e dimensão que tem o partido dentro da atual conjuntura”, disse Edvaldo Rosas.

Segundo Rosas, a reunião será preparatória para outro encontro do partido, que será realizado em dezembro, em Recife. “Nos dias 12 e 13 de dezembro o PSB vai reunir todos os 310 prefeitos eleitos no país num seminário que será realizado na capital pernambucana”, disse Rosas. Em João pessoa, o encontro será realizado no Hotel Netuanah.

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Ricardo obtém 73,85% dos votos e é o quarto mais votado do país

O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) foi reeleito ontem com 73,85% dos votos válidos. Coutinho obteve 262.041 votos contra 81.707 (23,03%) do deputado João Gonçalves, candidato do PSDB apoiado pelo governador Cássio Cunha Lima. O candidato do PTN, Francisco Barreto, obteve 6.273 votos (1,77%) e ficou em terceiro lugar na disputa.Marcos Dias, candidato do Psol, recebeu 2.185 votos (0,62%), enquanto que Lourdes Sarmento, candidata do PCO, ficou com 1.804 votos (0,51%) e José Rodrigues, do PHS, com 812 votos (0,23%). Os votos brancos e nulos somaram 2,59% e as abstenções 13,34% (59.160 votos).
O percentual alcançado por Coutinho superou sua marca nas eleições de 2004, quando o então deputado estadual obteve 215.449 votos e foi eleito com 64,4% dos votos válidos, superando o candidato do PSDB, deputado Ruy Carneiro, que ficou com 103.108 votos (30,8%).A vitória também colocou o prefeito de João Pessoa em quarto lugar entre os mais votados do País. Ricardo Coutinho ficou atrás dos eleitos em Goiânia, Curitiba e Maceió. Antes de ser eleito prefeito da Capital, Coutinho foi vereador e deputado estadual.
Aprovação de novo modelo de gestãoO prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), que foi reeleito com 180.334 mil votos de diferença do seu principal concorrente, disse que a vitória em primeiro turno é resultado da aprovação do novo modelo de gestão que vem sendo implementada há três anos e nove meses na Prefeitura da Capital, através de uma administração voltada para o resgate do caráter público. Segundo ele, uma disputa pela Prefeitura da Capital nunca ocorreu por com uma diferença tão grande de votos. Ele teve 262 mil votos contra 81.700 de João Gonçalves (PSDB).
Ricardo Coutinho agradeceu aos 16 partidos integrantes de sua coligação, que formam um bloco de forças diferenciadas, e a militância girassol pelo desempenho recorde obtido nas urnas e garantiu que essa segunda gestão será muito melhor do que a primeira. Além disso, foi enfático a revelar que vai processar judicialmente aqueles que falaram inverdades durante a campanha. Segundo o prefeito reeleito, a oposição perdeu uma grande oportunidade de enriquecer o pleito e caiu no descrédito com acusações infundadas, sem a apresentação de propostas para cidade. “Isso foi ruim, a cidade merecia um debate de outro nível. Houve apenas a tentativa de qualificar a cidade como caótica, isso é um delírio e ao mesmo tempo fazer com que a população acreditasse que nesse governo tinha posturas não condizentes com a ética política. Isso sem dúvida foi um dos grandes motivos dessa vitória”, ressaltou.
Ricardo Coutinho, que concedeu entrevista coletiva no comitê central da campanha, no Parque Sólon de Lucena, destacou que na atual administração, que acabou de ser renovada, a cidade avançou muito, que o setor público passou a funcionar, mas precisa melhorar muito.“Metas são metas e nós vamos trabalhar com muitas metas. Construindo uma possibilidade concreta para que o poder público possa servir cada vez mais a população. Vamos trabalhar muito mais, agora com o sangue renovado. Não existe qualquer perspectiva de acomodação e a população aprovou as mudanças conceituais que nós imprimos aqui dentro. A cobrança deve existir e a população tem que persistir na cobrança de serviços melhores”, declarou.

sábado, 26 de julho de 2008

Pesquisa coloca Ricardo com 68,17% contra 18,75% da Oposição

O candidato à reeleição pela coligação ‘A força do Trabalho’, o prefeito Ricardo Coutinho (PSB), tem 68,17% das intenções de votos, segundo pesquisa do Instituto Consult e divulgada pelo Jornal da Paraíba, que circula neste domingo (27). Este resultado dá a vitória ao prefeito da Capital no primeiro turno. Os candidatos de oposição possuem, juntos, 18,75%. Os números ainda revelam que a administração de Ricardo Coutinho tem 82% de aprovação popular.

De acordo com a pesquisa, Ricardo Coutinho tem uma vantagem de 51,34% dos votos em relação ao candidato do PSDB, o deputado João Gonçalves, que possui 16,83%.

A candidata do PCO, Lourdes Sarmento, aparece na pesquisa Consult com 1%. Em seguida vem Francisco Barreto (PTN), com 0,5%, José Rodrigues (PHS), com 0,25%, e Marcos Dias (PSOL), com 0,17%. Votos brancos e nulos ficaram com 5,83% e há 7,25% dos consultados indecisos.

O cenário apresentado pelos números da pesquisa Consult ainda revela que nos bairros de São José, Manaíra e Bessa Ricardo tem 72,6%. Mesmo nas localidades em que a pesquisa considera que Ricardo teve o seu desempenho mais fraco, o candidato à reeleição possui 65,8%. Esta área engloba os bairros dos Novais, Oitizeiro, Veneza, Cristo, Cruz das Armas, bairros das Indústrias, Cidade Verde, Funcionários, Planalto, Alto do Mateus e Jaguaribe.

A pesquisa foi realizada nos dias 18 e 20 deste mês, com 1.200 entrevistas. Ela está registrada no 64º Cartório Eleitoral, com o número 003/2008.

sábado, 19 de julho de 2008

Comitê é inaugurado na Getúlio Vargas


O comitê central da Coligação "A Força do Trabalho", que tem Ricardo Coutinho (PSB) e Luciano Agra (PSB) como candidatos à prefeito e à vice-prefeito respectivamente, foi inaugurado na noite desta sexta-feira (18), marcando oficialmente o início da campanha a reeleição do atual prefeito pessoense. Para hoje, Ricardo convocou a militância a ganhar as ruas da cidade e a repetir o trajeto que fez para a sua primeira vitória, ainda nas eleições de 2004. "Não precisamos de grandes coisas. Nossa campanha será simples, contando, mais uma vez, com a participação popular", disse. Ricardo Coutinho, acompanhado de Luciano Agra e dos candidatos a vereador da coligação, ressaltou as principais ações edificadas pela atual administração e disse que “a continuidade desse projeto é essencial para o fortalecimento da democracia em João Pessoa”.

"Democracia não é apenas votar em uma eleição a cada dois anos. Democracia é igualdade de oportunidades, é investir em quem menos tem, é redirecionar os recursos para as áreas mais carentes da cidade. Tudo isso nós estamos fazendo", comentou. Ricardo Coutinho lembrou na oportunidade das obras construídas com recursos próprios do município e que estão transformando a capital do Estado. "João Pessoa não acompanhava o crescimento das outras cidades do Nordeste. Hoje qualquer pessoa vê que ela está melhor, menos desigual, mais democrática", frisou.

Ricardo disse também que vai repetir o símbolo de sua primeira campanha a prefeito, e convocou a militância "girassol" a voltar a colorir as ruas da cidade, com o mesmo entusiasmo e compromisso que fizeram com que ele fosse eleito em 2004 ainda em primeiro turno. "Não existe eleição ganha. Existe eleição a se ganhar, a se conquistar. Vamos em frente que nós temos mais uma etapa para vencermos", concluiu.

Localização – O prédio do comitê central da campanha, localizado na Avenida Getúlio Vargas, próximo ao Parque Solon de Lucena, será o quartel general da coligação que é constituída por PSB, PT, PMDB, PC do B, PTB, PRB, PP, PTC, PSC, PV, PRTB, PT do B, PPS, PCB, PSL e PRP.

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Arte para muros




Companheirada,

Pensando em criar em todo o estado da Paraíba uma identidade visual do PSB nestas eleições, estamos elaborando algumas peças publicitárias para utilização pelas nossas candidaturas. Esta identidade visual facilita a estadualização de nossa força, com o uso das mesmas cores, mesmos símbolos, mesmas formas, fazendo com que o cidadão de Cajazeiras lembre do partido quando visitar João Pessoa, o cidadão de Bayeux lembre de seu partido quando visitar Mamanguape, o cidadão de João Pessoa lembre de seu partido quando visitar Monteiro e, assim por diante, de modo que todo o partido construa essa identidade estadual.

Atendendo pedidos de diversos diretórios e candidatos, segue o modelo de uma primeira peça para candidaturas majoritárias (prefeito e vice), PARA PINTURA DE MUROS, com a definição de cores, a logomarca do PSB 40, a logo do girassol (nosso símbolo na capital) e as exigências da legislação eleitoral, como nome da coligação, partidos que compõem esta coligaçao, nº do CNPJ ou CPF do pintor e tiragem (quantidade).

No caso de utilização desta arte para candidatos proporcionais (vereadores) não é obrigado colocar toda a "sopa de letras" dos partidos coligados. Se o candidato a vereador - somente a vereador -optar, pode colocar apenas o nome da coligação e a sigla do partido pela qual ele ou ela é candidato(a).

Se o partido no município avaliar que junta votos a lista de todos partidos na pintura de muro do(a) vereador(a), coloque todos os partidos.


Saudações socialistas.

domingo, 29 de junho de 2008

PSB homologa chapa Ricardo e Luciano Agra


O PSB homologou em convenção realizada neste domino (29) a chapa que vai concorrer à Prefeitura de João Pessoa, encabeçada pelo prefeito Ricardo Coutinho e Luciano Agra como vice. Na oportunidade também foram seladas as alianças com os 16 partidos do Conselho Político e as coligações para a disputa para a Câmara Municipal.
A festa aconteceu no Esporte Clube Cabo Branco, em Miramar, e reunir lideranças políticas, como o senador José Maranhão PMDB), o deputado federal Manoel Júnior (PSB) e ainda os vereadores da base do Governo Municipal e todos os pré-candidatos.
O prefeito Ricardo Coutinho, que apenas anunciou o nome do seu companheiro de chapa na convenção, disse que os seus critérios de escolha foram a competência administrativa e a perspectiva de continuidade do trabalho. "Que nenhum companheiro se sinta desprestigiado. A nossa história política é de construção e nós vamos governar com o apoio de todas as forças políticas. Luciano Agra me ensinou muito sobre a visão de cidade e de ocupação de espaços urbanos. Enquanto esteve como secretário de Planejamento, ele assumiu diversas funções de um vice-prefeito. Tenho certeza de construiremos o melhor para a cidade", declarou.
Luciano Agra agradeceu a Ricardo a confiança depositada e disse que está pronto para a missão. "Estou disposto a vencer os desafios que surjam a partir de agora", enfatizou.
O senador José Maranhão confirmou o seu apoio à reeleição do prefeito e disse que o PMDB está no caminho certo. "A nossa aliança está mantida. Nós entendemos que o processo de formação de chapa cabia exclusivamente ao prefeito Ricardo Coutinho, que fez uma opção pela continuidade do excelente trabalho administrativo. A população já conhece a nova realidade de João Pessoa e é isso que o PMDB também quer. Administrar a nossa Capital deixou de ser negócio de família. Nós estamos do lado de Ricardo desde 2004", contou.

quinta-feira, 26 de junho de 2008

PSB realiza convenção domingo e pretende reunir cerca de 5 mil pessoas


Partido Socialista Brasileiro (PSB) realiza neste domingo, 29, a sua convenção municipal em João Pessoa, que vai tratar sobre a indicação da chapa majoritária, que será encabeça pelo prefeito Ricardo Coutinho. Também haverá a oficialização dos candidatos a vereadores da legenda e demais coligações para a a disputa proporcional.
Segundo o presidente municipal da agremiação, Ronaldo Barbosa, o encontro deve reunir cerca de 5 mil pessoas, entre socialistas e membros dos partidos aliados. A convenção acontece no Clube Cabo Branco, no bairro de Miramar, a partir das 9h.
Ronaldo Barbosa adiantou que a reunião vai começar ao som de dois trios de forró e com a exibição de vídeos sobre as principais ações executadas na gestão de Ricardo Coutinho à frente da administração da Capital do Estado. Logo após, os filiados irão conhecer os candidatos a vereadores da legenda e, por volta das 13h, haverá uma entrevista coletiva para a imprensa. De acordo com o dirigente municipal do PSB, parlamentares e dirigentes nacionais da legenda foram convidados a participar do encontro, mas ainda não há confirmação oficial das lideranças. Ele lembrou que a convenção também irá contar com espaço reservado para a participação dos 16 partidos que compõe o Conselho Político, formado pelas agremiações partidárias que compõe a base de sustentação do Governo.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

PTC é o primeiro partido a oficializar em convenção o apoio a Ricardo Coutinho


O PTC – Partido Trabalhista Cristão, foi a primeira agremiação partidária a realizar a sua convenção com vistas às eleições de 2008 em João Pessoa.
Na convenção, realizada nesta terça-feira (24), no Clube Internacional de Cruz das Armas, na capital paraibana, o PTC aprovou por unanimidade a proposta de coligação majoritária com o PSB, para a reeleição do Prefeito Ricardo Coutinho.
Para a disputa proporcional, os convencionais aprovaram a formação da “Coligação Alternativa Pessoense”, uma frente de três partidos que reúne além do PTC, que é presidido por Jaime Carneiro, o PV – Partido Verde, do ex-deputado Sargento Dênis e o PRP – Partido Republicano Progressista, do vereador pessoense Waldir Dowsley (Dinho).
Em seu discurso, o presidente do PTC Jaime Carneiro, conclamou todos os candidatos e candidatas a iniciarem o trabalho de visitas aos eleitores. “Vamos começar o trabalho de formiginhas, visitando todas as pessoas, de casa em casa, de rua em rua, toda a cidade de João Pessoa, levando a mensagem do Mago e a nossa mensagem, a mensagem da coligação Alternativa Pessoense”, disse.
Ricardo Coutinho, que compareceu à solenidade, acompanhado do ex-secretário Nonato Bandeira (PPS) e da vereadora Paula Frassinete (PSB), agradeceu em seu discurso o apoio dos trabalhistas cristãos, afirmando que aquele momento era dotado de uma simbologia muito grande, porque era o primeiro ato oficial de um partido no caminho de sua reeleição.
Bastante aplaudido, Ricardo Coutinho afirmou que assim como ele é o candidato do PTC para prefeito, os candidatos do PTC agora são os seus candidatos a vereador. “Avisem às matraqueiras da oposição que a partir deste momento, os candidatos do PTC são meus candidatos e candidatas para a Câmara pessoense, e nós vamos trabalhar para esta coligação fazer o máximo de vereadores possível”, concluiu.

CANDIDATURAS

O PTC irá compor a Coligação Alternativa Pessoense apresentando as candidaturas de Antônio Virgínio, Leda, Beto de Clito, Socorro, Alexsandro, Denilso Batista, Luciano, Jailto Ramos, Vital, Coronel Jorge, Vilma Batista, Humberto e Ribeiro.

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Conselho Político realiza seminário com movimentos sociais




O Conselho Político do prefeito Ricardo Coutinho (PSB), realiza na próxima quinta-feira (19), um seminário envolvendo todos os movimentos sociais da cidade de João Pessoa, com vistas à construção de propostas a serem incorporadas ao projeto de governo municipal para o quadriênio 2009/2013.
O seminário, idealizado na última reunião dos 17 partidos que compõem o conselho político, terá início às 9h, no auditório do SENAC, centro de João Pessoa, contando com a presença do prefeito, vereadores e pré-candidatos.
De acordo com o novo presidente do PSB municipal e membro do conselho político, Ronaldo Barbosa, que substituí o ex-presidente Edvaldo Rosas, “o seminário deve ser um grande momento para a sociedade civil organizada, reunindo sindicatos, associações de moradores, ONGs, entidades classistas, estudantis e de movimentos de juventude, mulheres, diversidade sexual, negros e grupos comunitários”.
Para Barbosa, após a realização de várias conferências temáticas realizadas em João Pessoa ao longo de 2007/2008, os movimentos já têm uma plataforma mínima, que precisa ser sistematizada e consolidada. “A realização deste seminário vem coroar este trabalho, colocando no plano do próximo governo as prioridades dos movimentos sociais de nossa capital”, finalizou.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

Registro de Candidaturas se dará unicamente por meio magnético


Companheiros e companheiras do PSB na Paraíba,

Começou nesta terça-feira (10/junho/2008) o prazo para a realização de convenções e registros de candidaturas, sendo que as convenções devem ser realizadas até o dia 30 de junho e o registro de candidaturas até o dia 05 de julho.

A cartilha eleitoral do PSB tem a maioria das informações sobre as convenções, calendário e demais procedimentos, e o setor jurídico encontra-se à disposição para contribuir com o partido em toda a Paraíba.

Diferente das eleições anteriores, o registro das candidaturas de prefeitos e vereadores se dará unicamente através do meio magnético (computador), sendo necessário preencher alguns formulários eletrônicos do sistema CANDEX, fornecido pelo TSE.

O primeiro destes formulários é o DRAP - Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários, que existe em duas versões, uma para o partido que vai disputar sozinho, e outro para o partido que vai disputar em COLIGAÇÃO com outros partidos.
Este formulário do DRAP é o primeiro a ser preenchido, e reúne informações sobre a data da convenção, partidos coligados, nome de delegados, endereço para receber notificação, número de fax, e, o valor máximo de gastos (informar para cada cargo de cada partido da coligação).

O segundo destes formulários é o RCC - Requerimento de Registro de Candidatura, que deve ser coletivo, com todos os candidatos. Posteriormente será permitido o individual somente para a substituição de candidatura e preenchimento de vaga remanescente. O RCC, além das informações como nome, número, foto, identidade, cpf, etc, exige que cada candidato informe um fax para onde devem ser envidas as notificações da justiça eleitoral e a declaração dos bens (casa, carro, terreno, etc) com o respectivo valor.

Para adiantar o serviço de preenchimento das fichas do RCC, segue anexado o rascunho do formulário (RASCUNHO RCC). É só um rascunho para imprimir uma cópia, xerografar e preencher com os candidatos e candidatas, visando facilitar na hora de passar para o computador. A justiça eleitoral só recebe o que foi gerado pelo computador.

Seguem também os dois modelos de rascunho do DRAP (RASCUNHO DRAP e RASCUNHO DRAP COLIGAÇÃO).

O DRAP gerado pelo CandEx, com código de segurança próprio, deve conter as assinaturas dos requerentes. A legitimidade dos subscritores dos pedidos deverá ser aferida pelo cartório eleitoral:

• partido isolado - o pedido de registro dos candidatos deve ser subscrito pelo presidente do diretório ou comissão provisória municipal, ou por delegado autorizado em documento autêntico, inclusive telegrama ou fax de quem responda pela direção partidária, com assinatura reconhecida por tabelião (art. 24, §2º da Resolução TSE nº 22.717/2008);
• coligação - o pedido deverá ser subscrito pelos presidentes dos partidos coligados, por seus delegados, pela maioria dos membros dos respectivos órgãos executivos de direção ou pelo representante da coligação (art. 6º, § 3º, II da Lei nº 9.504/1997 e art 24, §3º da Resolução TSE nº 22.717/2008).

Cópias da(s) Ata (s) da(s) Convenção(ões): deve ser apresentada uma cópia digitada ou datilografada da ata para posterior conferência dos nomes escolhidos em convenção. A ata deve constar também os nomes dos representantes e delegados credenciados, assim como o valor máximo de custos da campanha.


O formulário Requerimento de Registro de Candidatura (RRC) conterá:

l Autorização do Candidato;
l Número do fax e endereço no qual o candidato receberá intimações;
l Dados pessoais;
l Dados do candidato (partido, cargo, nome para a urna, ...);
l Declaração de Bens;
l Certidões criminais fornecidas pela Justiça Federal e Estadual com jurisdição no domicílio eleitoral do candidato e pelos tribunais competentes, quando o candidato gozar de foro especial;
l Fotografia do candidato (pode ser entregue em meio magnético);
l Comprovante de Escolaridade;
l Prova de desincompatibilização, quando for o caso.


VAGA REMANESCENTE, RENÚNCIA E SUBSTITUIÇÃO DE CANDIDATO

l Vaga Remanescente:
• O prazo máximo para o preenchimento das vagas remanescentes é 6/8/2008.
l Renúncia do Candidato:
• Havendo renúncia, o prazo para substituição será contado a partir da publicação da sentença que a homologar, observando-se o prazo de até 10 dias da decisão judicial que deu origem à substituição e o limite de até 60 dias antes da eleição, para o cargo proporcional (6/8/2008).

O software do CANDEX já está disponível na página do TSE, a partir desta terça-feira (10/06), no endereço
http://www.tse.jus.br/internet/eleicoes/candex.htm .

É um programa grande, e pode demorar a baixar em computadores com conexão lenta. Esperamos que os cartórios eleitorais também disponibilizem esta ferramenta.

Para os diretórios que não conseguirem baixar na internet este programa, o PSB dispõe de cópia em CD, que pode ser enviada, desde que solicitada com antecedência. Lembrando, o prazo de registro (05/07) É IMPRORROGÁVEL.

Para esclarecimento de dúvidas sobre o CANDEX, o TRE-PB disponibilizou os telefones (83) 3512-1232, 3512-1322, 3512-1337 e 3512-1345.

Saudações Socialistas,

Ednaldo Alves
Secretário de Comunicação – PSB/PB




segunda-feira, 9 de junho de 2008

Ricardo Coutinho (PSB): "Reforma Urbana é o tema mais importante da agenda política brasileira"


Em entrevista ao Portal PSB Nacional, o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB-PB), afirmou que reforma urbana é o tema mais importante da agenda política brasileira.

"Esse é um assunto complexo que trata de um conjunto de intervenções que, na sua essência, constrói a cidadania. No meu entender não há a possibilidade de democratização de uma gestão com a participação popular, se não existem as condições básicas de vida: saúde e educação. Por isso precisamos discutir reforma urbana", declarou. "Hoje devemos juntar educação com habitação, saúde, meio ambiente e práticas de esporte e lazer. Temos que transversalizar as políticas públicas. Esse é o grande desafio."

Confira abaixo a entrevista concedida à jornalista Priscila Rocha, do Portal PSB:

Portal PSB: Qual a importância de se discutir a reforma urbana?

Ricardo Coutinho: Esse é o tema mais importante da agenda política brasileira. As organizações partidárias no Brasil, ao longo desses anos, não souberam dar a devida importância ao tema. É um assunto complexo que trata de um conjunto de intervenções que na sua essência constrói a cidadania. No meu entender, não há possibilidade da democratização de uma gestão com a participação popular, se não existem as condições básicas da vida: saúde e educação. Por isso, precisamos discutir reforma urbana. Hoje devemos juntar educação com habitação, saúde, meio ambiente e práticas de esporte e lazer. Temos que transversalizar as políticas públicas. Esse é o grande desafio. O Partido Socialista Brasileiro (PSB) chamou para si a responsabilidade de tirar o Brasil do atraso nessa área. Eu acho que o tema é essencial para o país e para nós do PSB.

Portal PSB: Quais projetos de sua administração estão tendo bons resultados junto a população paraibana?

Ricardo Coutinho: Desde o início, temos trabalhado e avançado na temática da complexidade e integralidade das ações, ou seja, todas as grandes intervenções urbanas, que nós fazemos em conjunto com o governo federal, conta com a complementação da prefeitura. Se é a habitação, trabalhamos a habitabilidade. A habitação não pode ser só moradia, tem que ter espaço de lazer, educação e saúde. Nós estamos implantando isso em toda a cidade. Uma grande área como o Alto do Céu, que era uma favela com cerca de 15 mil pessoas e sem nenhuma infra-estrutura, hoje, com a nossa gestão, adquiriu outro patamar. Construímos escolas, praças e postos de saúde. Nós tínhamos, em João Pessoa, sete acampamentos de sem-teto. Antes de nossa gestão mais de 1.300 famílias moravam embaixo de lonas e plásticos. Havia crianças de 8 e 9 anos que nunca tinham entrado em um banheiro. Então construímos um conjunto habitacional chamado, Gevásio Maia. No local oferecemos infra-estrutura completa, com pavimentação, saneamento, drenagem, casas adaptadas para deficientes, enfim, cuidados urbanísticos importantes. Chegamos além da contra-partida com escolas, saúde da família, creches para 120 crianças, praça padrão que junta equipamentos de anfiteatros, pista de skates e caminhadas, quadra poliesportivas, dentre outros. Temos também o Empreender (Programa de Geração de Renda) onde oferecemos condições de geração de emprego.

Portal PSB: O que é o Empreender?

Ricardo Coutinho: É um programa municipal de geração de renda e apoio aos pequenos negócios que criamos em 2005. Já foram mais de R$ 9 milhões investidos na abertura, expansão ou modernização de 5.200 pequenos empreendimentos. Além de cerca de 12 mil empregos diretos e indiretos gerados em João Pessoa. Na minha opinião, o Empreender-JP está mudando o perfil econômico de João Pessoa e ajudando a melhorar a qualidade de vida de pessoas que antes eram excluídas da economia formal. Atualmente 16.173 pessoas estão inscritas no Programa. Deste total, 8.740 foram convocados para capacitação e 7.433 capacitados por meio de cursos e palestras. Hoje já são cerca de cem pequenos empreendedores formalizados, e 120 em processo de formalização. O Empreender é uma forma de dizer para as pessoas que a prefeitura não tem emprego para dar, mas tem o compromisso de desenvolver economia dentro da lógica da inclusão e não da lógica dos mais ricos.

domingo, 8 de junho de 2008

Congresso do PSB elege para direção nacional Ricardo, Alexandre Urquiza e Manoel Júnior

O XI Congresso Nacional do PSB, realizado em Brasília na sexta, 6 e sábado, 7, terminou com algumas surpresas paraibanas. O prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho foi eleito para compor a direção nacional da legenda, juntamente com o ex-secretário Alexandre Urquiza e o deputado federal Manoel Júnior.

A Paraíba emplacou ainda a presidência da Juventude Nacional do PSB, com Joubert Fonseca. Além desses cargos, os paraibanos também devem contar com um outro representante no Conselho Fiscal, Fábio Maia.

Participaram do congresso mais de mil militantes e dirigentes do PSB, incluindo parlamentares federias, estaduais e municipais, representantes dos executivos estaduais e municipais, além de pré-candidatos do partido a prefeitos e vereadores de todo o Brasil.

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos foi reconduzido para a presidência nacional do partido. Também foram reconduzidos aos cargos os demais dirigentes do partido. O ex-ministro Roberto Amaral ficou na vice-presidência e o senador Renato Casagrande (PSB-ES) ficou como secretário-geral.

Partido tem nova executiva na Paraíba


Após a realização do Congresso Estadual do PSB, ocorrido no mês de maio em Cajazeiras, interior da Paraíba, o diretório estadual do PSB realizou a sua primeira reunião, na sede do Partido em João Pessoa, onde elegeu a nova executiva do partido para o triênio 2008-2011.
Como era esperado, para a presidência do partido foi reeleito o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho. A surpresa ocorreu pela eleição do primeiro vice-presidente, Edvaldo Rosas, que eleito pela unanimidade dos diretorianos, teve que assinar carta renunciando à presidência do PSB em João Pessoa, para assumir a executiva da direção estadual, já que os estatutos do partido não permitem a acumulação de cargos executivos em duas instâncias.
Como segundo vice-presidente foi eleito o deputado estadual Carlos Batinga, seguido de Neto Franca, como terceiro vice. Para a Secretaria Geral foi eleito o ex-chefe de Gabinete Ubiratan Pereira (Bira), ficando Cassandra Figueiredo como primeira secretária de
Finanças, Paula Frassinete como secretária de Meio Ambiente, Guilherme Almeida como secretário de Ação Parlamentar, Sandra Marrocos como secretária de Mulheres e Manoel Júnior como secretário de Política Agrária.
Para o lugar de Edvaldo Rosas na presidência do PSB da capital, assumiu o professor Ronaldo Barbosa, que era o primeiro vice-presidente, seguido pelo ex-deputado estadual Chico Lopes, que passa a condição de primeiro vice
Veja abaixo como ficou a composição da executiva do PSB Paraibano:
Presidente: RICARDO VIEIRA COUTINHO;
1ª vice-presidência: JOSÉ EDVALDO ROSAS;
2a vice-presidência: CARLOS ALBERTO BATINGA CHAVES;
3a vice-presidência: JOÃO MONTEIRO DA FRANCA NETO;
Secretaria Geral: UBIRATAN PEREIRA DE OLIVEIRA;
1a. Secretaria: EDIR MARCOS MENDONÇA;
2a Secretaria: JOÃO NOGUEIRA BARBOSA;
1a Secretaria de Finanças: CASSANDRA ELIANE E SILVA FIGUEIREDO;
2a Secretaria de Finanças: IREMAR MATHIAS DA SILVA;
Secretaria de Comunicação e
Propaganda: EDNALDO ALVES COSTA;
Secretaria de Meio Ambiente: PAULA FRASSINETE LINS DUARTE;
Secretaria de Ação Parlamentar: GUILHERME ALMEIDA DE FIGUEIREDO;
Secretaria de Organização: ALEXANDRE URQUIZA DE SÁ;
Secretaria Sindical: ALEXANDRE ARRUDA RAMALHO RIBEIRO;
Secretaria de Mulheres: MARIA SANDRA PEREIRA MARROCOS;
Secretaria de Movimentos Populares e Mobilização: TANIA MARIA DE OLIVEIRA BRITO;
Secretaria da Juventude: ÉRICK RODRIGUES AMORIM;
Secretaria de Cultura e Formação Política: JÚLIO CESAR DE OLIVEIRA;
Secretaria Política Agrária: MANOEL ALVES DA SILVA JUNIOR.

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Seminário do Conselho Político discute projetos e contribui com plano de governo



Novas idéias, projetos e ações foram discutidos durante esta terça-feira (27), no I Seminário do Conselho Político Municipal, realizado no auditório da reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). O evento reuniu os membros do Conselho, pré-candidatos a vereador e representantes dos partidos que já declararam apoio à reeleição do prefeito Ricardo Coutinho.
Divididos em grupos temáticos, os participantes debateram as atuais políticas de governo implantadas pela atual gestão e, a partir disso, propuseram novas ações, obras e projetos para o desenvolvimento da cidade. Os principais aspectos debatidos foram desenvolvimento humano, trânsito, saúde, educação e desenvolvimento sustentável. Todo o material servirá como base para formatar o plano de governo de um eventual segundo mandato do prefeito.
"A democracia é uma marca inegável dessa gestão. Não poderíamos negar aos partidos aliados o direito de propor e dialogar, com vistas ao crescimento de João Pessoa. É esta consciência participativa que faz a diferença no nosso trabalho", declarou Ricardo Coutinho.
Prestação de Contas – Na primeira parte do Seminário, os participantes puderam conhecer, com detalhes, o que já foi executado pela Prefeitura de João Pessoa em três anos e cinco meses de gestão. Foram apresentados um balanço dos investimentos financeiros, as obras que mudaram o perfil da cidade e ainda as políticas públicas voltadas para o transporte e mobilidade urbana, reordenamento urbano, fortalecimento dos conselhos municipais, democracia participativa, a reestruturação da saúde e da educação.

sexta-feira, 23 de maio de 2008

Conselho Político realiza terça-feira seminário para avaliar gestão da Capital


O I Seminário do Conselho Político de João Pessoa está confirmado para a próxima terça-feira (27), a partir das 8h, no auditório da reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). A reunião de trabalho, segundo o secretário de Articulação Política da Prefeitura de João Pessoa, Antônio Barbosa, vai reunir cerca de 600 pessoas, entre representantes municipais dos partidos que formam o Conselho e ainda pré-candidatos que vão disputar as eleições de 2008.
O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) fará a abertura do Seminário, destacando os avanços que a atual gestão promoveu para o desenvolvimento de João Pessoa. Em seguida, haverá uma explanação das principais obras realizadas na cidade desde o início do Governo e possibilitaram a melhoria da qualidade de vida do pessoense.
Na parte da tarde, de acordo com Barbosa, os participantes serão divididos em grupos temáticos, onde serão discutidos e propostos novos programas, prioridades de investimentos e políticas de desenvolvimento para a Capital. "Esta atividade vai permitir que os presentes possam dar contribuições para o plano de governo de um eventual segundo mandato do prefeito Ricardo Coutinho", comentou Antônio Barbosa.
“Neste seminário os componentes do Conselho Político poderão participar, de fato, da construção de um futuro programa de Governo, que contemplará a pluralidade de partidos que hoje estão na base de sustentação do prefeito", completou.
Para Barbosa, este será um momento singular no trabalho do Conselho Político Municipal. "É uma oportunidade para cada integrante conhecer detalhes do trabalho da Gestão Municipal e ainda contribuir para o seu aprimoramento. Esta administração conseguiu recuperar o caráter público e trabalhar em parceria com a população, atendendo às principais necessidades do pessoense", enfatizou.

sábado, 17 de maio de 2008


Congresso do PSB em Cajazeiras reelege Ricardo Coutinho


O Congresso Estadual do Partido Socialista Brasileiro, encerrado neste sábado (17) na cidade de Cajazeiras, interior da Paraíba, reelegeu por unanimidade o Prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho, como presidente da legenda para o período de 2008 a 2011.
No Congresso, que reuniu 282 delegados e delegadas, representando os 183 municípios em que o PSB está constituído na Paraíba, foi eleita também a nova direção estadual, o conselho fiscal, conselho de ética e os delegados e delegadas ao Congresso Nacional do partido, que será realizado no dia 06 de junho em Brasília.
Durante os dois dias do evento, foram discutidas as teses sobre conjuntura nacional e as políticas públicas do governo Lula, a crise política instalada na Paraíba a partir da decisão do TRE que cassou o mandato do governador, a atuação do partido junto aos movimentos de mulheres, juventude, negros, GLBT, sindical e populares, e, como não poderia deixar de ser, a política de alianças da legenda nos diversos municípios, com vistas às eleições de prefeitos e vereadores em 2008.
Ao final do Congresso foi aprovada a Carta de Cajazeiras, documento em que o PSB firma posições sobre a política nacional e orienta a sua militância sobre os próximos passos.
Veja abaixo a íntegra do documento aprovado pelo Congresso do PSB.


CARTA DE CAJAZEIRAS
O PSB E AS ELEIÇOES DE 2008

Reunido em Congresso Estadual na Cidade de Cajazeiras, o Partido Socialista Brasileiro resolve apresentar aos seus militantes e ao povo da Paraíba as seguintes considerações:
O Estado da Paraíba atravessa uma crise praticamente inédita em nossa história política. A economia pouco se desenvolve, o desemprego continua sendo um problema sem solução e a falta de segurança chega a limites nunca vistos.
Na política o TRE cassou o Governador que se mantém no cargo através de liminar e neste ínterim o governo está parado. Nada se faz e os discursos não condizem com a realidade.
Esta crise tem nas palavras dos políticos tradicionais o mesmo conteúdo do pastoril, ou seja, um cordão azul e outro encarnado, conteúdo este que não reafirma nenhuma mudança na forma de fazer política e de mudar as condições de vida de nosso povo.
O Partido Socialista Brasileiro da Paraíba tem a vontade política de colocar aos homens e mulheres de nosso estado a necessidade de fazer as mudanças que possibilite ao nosso estado retomar o caminho do desenvolvimento, do emprego pleno, da ética e de uma nova forma de se fazer política.
Para isso é necessário que se compreenda as eleições de 2008 como um grande momento para que nosso partido demonstre a capacidade de fazer estas mudanças e mais ainda, a compreensão de que tais mudanças começam pelos municípios.
É nas cidades que podemos abrir canais de Participação Popular.
É nas cidades que é possível se pensar o desenvolvimento Urbano buscando nas especificidades de cada bairro as alternativas que a população precisa para melhorar suas vidas.
É nas cidades que o Desenvolvimento Humano pensado pode ser realizado a partir de programas de Ciência e Tecnologia, Cultura, Desenvolvimento Social, Educação, Saúde, Esporte e Laser, Habitação, Política Públicas para as Mulheres, Trabalho e Renda, Transportes, Turismo, Política Ambiental, etc.
É nesta compreensão que o Congresso Estadual do Partido Socialista Brasileira, realizado nos dias 16 e 17 de maio na cidade de Cajazeiras, conclama todos cidadãos e cidadãs, os movimentos sociais, ONGs, os partidos políticos progressistas para que reflitam sobre estas questões e busquem no cotidiano das lutas de nosso povo os caminhos das mudanças, os caminhos para uma sociedade livre e socialista, reafirmando, assim, os ideais socialistas constantes de seu programa e disposições estatutárias, historicamente defendidos pelos seus fundadores e sustentados com sacrifício pessoal e político de milhares de companheiros e companheiras.

Cajazeiras-PB
17 de maio de 2008
Partido Socialista Brasileiro da Paraíba

quarta-feira, 7 de maio de 2008

PSB paraibano realiza congresso em Cajazeiras


O Partido Socialista Brasileiro da Paraíba realiza nos dias 16 e 17 de maio, no Clube de Diretores Lojistas da cidade de Cajazeiras, interior da Paraíba, o seu Congresso Estadual, quando irá aprovar a política de alianças para as eleições municipais de 2008, a definição do calendário das convenções municipais, assim como a eleição da direção partidária para o triênio 2008-2011.
De acordo com o médico cajazeirense Léo Abreu, membro da Comissão Organizadora do Congresso, estão sendo ultimados os preparativos para a recepção dos delegados representando os 183 municípios em que o PSB tem diretório na Paraíba, além dos membros do Diretório Estadual, Prefeitos, Deputados Federais e Estaduais. Léo informou também que foi formulado convite ao Presidente Nacional do PSB, Governador Eduardo Campos, que poderá participar da mesa de abertura dos trabalhos, na sexta-feira (16).
Segundo Léo Abreu, a cidade de Cajazeiras está de braços abertos para receber toda a bancada de deputados federais e estaduais da legenda, assim como os delegados de todas as regiões paraibanas.
Para não haver nenhum problema no que se refere à estrutura de transporte e hospedagem, foi estabelecida a necessidade de que todas as delegações deverão fazer uma pré-inscrição para participar do Congresso, cujo prazo termina ao meio dia da próxima terça-feira (13).
O PSB paraibano conta com uma direção estadual composta por 26 dirigentes, sendo presidido pelo Prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho.

segunda-feira, 28 de abril de 2008

Seminário eleitoral do PSB atinge objetivos



De acordo com o advogado Ricardo Sérvulo, que faz parte da assessoria jurídica do PSB na Paraíbam, o seminário jurídico sobre a legislação das eleições de 2008, realizado neste domingo (27) no auditório da Assembléia Legislativa, atingiu plenamente os objetivos traçados pela organização.

O evento contou com a presença pré-candidatos aos cargos de vereador e prefeito de João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Conde, Cabedelo, Mamanguape e Itabaiana superou o público esperado e serviu para orientar e oferecer apoio jurídico aos pré-candidatos do partido não só de João Pessoa como também, de toda a região próxima para que evitem ser "surpreendidos" com práticas e condutas contrárias a Lei e as resoluções que regem o próximo pleito de 05 de outubro.

Além de Ricardo Sérvulo, a advogada Patrícia Paiva, que também faz parte da equipe de advogados do PSB se disse satisfeita com o seminário, pelo nível das questões e dúvidas levantadas pelos pré-candidatos e pela oportunidade de se iniciar o trabalho jurídico mesmo antes das convenções.

sexta-feira, 25 de abril de 2008

PSB realiza seminário eleitoral neste domingo em João Pessoa


O PSB - Partido Socialista Brasileiro, por intermédio de seu diretório municipal de João Pessoa e, através de seu departamento jurídico, realizará neste domingo (27) das 08:30 às 13:00 hs, no auditório da Assembléia Legislativa, no centro da cidade, um seminário jurídico sobre a legislação das eleições de 2008.
No evento, além dos pré-candidatos aos cargos de vereador e prefeito de João Pessoa, estarão presentes também, os pré-candidatos das cidades da grande região metropolitana da Capital, como Bayeux, Santa Rita, Conde, Cabedelo e até mesmo Mamanguape e Itabaiana.
Segundo o advogado Ricardo Sérvulo, que faz parte da assessoria jurídica do PSB, "a iniciativa visa orientar e oferecer apoio jurídico aos pré-candidatos do partido não só de João Pessoa como também, de toda a região próxima para que evitem ser ´surpreendidos´ com práticas e condutas contrárias a Lei e as resoluções que regem o próximo pleito de 05 de outubro".
Ricardo Sérvulo, disse ainda, "que se não estiverem bem informados, até mesmo políticos experientes e com boas chances de êxito em suas campanhas poderão enfrentar sérios problemas com a justiça eleitoral".
A advogada Patrícia Paiva, que também faz parte da equipe de advogados do PSB assegurou que "o evento tem o objetivo claro de conclamar e esclarecer os pré-candidatos para o que pode, e o que não pode à luz da legalidade, pois, o atual momento histórico é de tribunais rigorosos e inflexíveis, no tocante à aplicação da rígida norma das eleições, segundo se constata nos útimos exemplos registrados no próprio TRE/PB".
De acordo com Patrícia Paiva, "todo trabalho de base poderá ser comprometido, caso não seja observada a Lei", concluiu.

terça-feira, 15 de abril de 2008

Seminário: Conselho Político de João Pessoa planeja evento sobre ações da gestão


Os membros do Conselho Político Municipal se reuniram na tarde desta terça-feira (15), no Hotel Netuanah, na praia de Cabo Branco, para discutir a realização do seminário de avaliação das ações executadas pela atual gestão do município, a ser realizado no dia 15 de maio. Os membros analisaram a metodologia e os assuntos que vão constar da pauta do futuro evento. Os demais detalhes relacionados ao fórum somente serão definidos em uma nova reunião.
O encontro foi coordenado pelos secretários de Gestão Governamental e Articulação Política (Segap), Antônio Barbosa Filho, e da Comunicação, Nonato Bandeira. “Nós iremos fazer um balanço do que já foi feito e discutir novas contribuições”, ressaltou Barbosa.
Nonato Bandeira disse que no seminário serão debatidas as ações executadas nos 60 bairros do município, bem como as principais intervenções em grandes áreas de responsabilidade do poder público municipal, a exemplo de saúde, educação e habitação. “Iremos discutir o que devemos fazer para melhorar, cada vez mais, na administração da Capital”, comentou.

Conselho – Participaram da reunião, representantes de cada um dos partidos da base sustentação do Governo Municipal: PT, PCdoB, PSB, PP, PTC, PRB, PRTB, PTB, PRP, PSDC, PPS e PDT. O colegiado é um espaço para a discussão e o debate sobre temas de interesse da cidade de João Pessoa e da Prefeitura e tem o objetivo de cooperar e opinar sobre a melhor forma de aplicação das políticas públicas municipais.

quinta-feira, 10 de abril de 2008

Ricardo Coutinho receberá Medalha de Mérito Turístico


A Frente Parlamentar de Turismo de Assembléia Legislativa da Paraíba (Parlatur), através da Comissão de Turismo, decidiu em reunião nesta quarta-feira (9) conceder ao prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), a Medalha de Mérito Turístico 2008.
Segundo Ferdinando Lucena, presidente da Comissão, o prefeito receberá a Medalha no lugar da Embratur, que será homenageada no próximo ano.
A indicação do prefeito da Capital paraibana foi feita pelo jornalista Sebastião Barbosa, que enumerou uma série de projetos e ações realizadas por ele desde que assumiu a administração da cidade.
A direção da Embratur foi indicada pela presidente da Parlatur, deputada estadual Iraê Lucena (PMDB), que concordou com a troca. "Realmente Ricardo tem feito um trabalho exemplar nesta área", disse a parlamentar.
As indicações ocorreram através de votação aberta e selecionados por número de votos. Serão homenageados: jornalista Wills Leal; livro "Do Tambaú ao Garden'; jornalista Rogério Almeida, Curso de Turismo da Universidade Federal da Paraiba, pelos seus 10 anos; empresário Gustavo Garcia, Presidente do Convention & Visitors Bureau e diretor da Operadora Tambaú; Pousada Aruanã; ABBTUR - Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo - Secção Paraíba, pelo trabalho intenso nas ações que envolvem políticas do turismo; empresário Rui Ramalho, da Agência Brunettur e primeiro presidente da ABAV/PB e a empresa Cliotur, que trabalha com o turismo rural e aventura e o prefeito Ricardo Coutinho pelo desempenho de gestão no Turismo de João Pessoa.
A entrega deverá acontecer nos salões do Tropical Hotel Tambaú em data a ser definida em breve e posteriormente pelo Cerimonial da Assembléia Legislativa.
Do Portal Turismo em Foco

terça-feira, 1 de abril de 2008

Deputado Expedito Pereira (PSB) quer terminal de integração para ônibus procedentes de Bayeux


O prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), recebeu no final da manhã desta terça-feira (1º), a visita do deputado estadual Expedito Pereira (PSB). No encontro, o parlamentar apresentou uma proposta de construção de um Terminal de Integração da Região Metropolitana, por onde circulariam os transportes coletivos procedentes do município de Bayeux. O encontro aconteceu no gabinete do prefeito no Centro Administrativo Municipal (CAM), no bairro de Água Fria.
O deputado elogiou o Terminal de Integração existente em João Pessoa, construído na atual gestão. "Uma obra dessas é muito importante para a população que necessita pegar mais de um ônibus. Por isso, queremos fazer da mesma forma, pois Bayeux precisa estar integrada com João Pessoa, não só em transportes, mas em educação e saúde. Uma obra como o terminal metropolitano só traria benefícios para a população", disse.
De acordo com Expedito Pereira, diariamente mais de 15 mil pessoas se deslocam de Bayeux para João Pessoa e vice-versa. Ele adiantou que já apresentou um requerimento relacionado ao projeto do terminal na Assembléia Legislativa.
O prefeito avaliou a proposta como positiva e disse que seria muito importante integrar ainda mais as duas cidades. Ricardo lembrou também que o Terminal de Integração do Varadouro, em João Pessoa, é uma obra que tem uma aceitação muito boa entre os pessoenses.

Ricardo recebe apoio do PPS para reeleição

A pretensão de setores do PPS ligados ao Governo do Estado lançarem candidatura própria a sucessão municipal de João Pessoa foi sepultada na manhã de ontem, após um café-da-manhã entre dirigentes do partido e o prefeito Ricardo Coutinho. Os socialistas confirmaram apoio à reeleição do prefeito na presença de dirigentes estaduais e municipais, além de candidatos a vereador que também são aliados de Ricardo Coutinho.
O presidente do diretório estadual, José Bernardino da Silva, garantiu que a disposição do PPS é mesmo manter o compromisso assumido com o prefeito da Capital e fazer campanha em favor de sua reeleição. Segundo ele, antes de tomar essa decisão a direção estadual consultou o presidente o diretório nacional, Roberto Freire, e o secretário geral do partido, Rubens Bueno, que avalizaram o apoio ao candidato do PSB.“Foi uma decisão democrática, amadurecida ao longo das discussões. Por isso, estamos firmes nesse processo, contando inclusive com apoio da direção nacional”, afirmou Bernardino.
Além de agradecer pelo apoio, Ricardo Coutinho adiantou que vai administrar com todos os aliados, inclusive o PPS, que tem um projeto parecido com o do PSB, partido que preside na Paraíba. “Vamos fazer uma campanha conjunta, vencer as eleições e governar a cidade. Os aliados continuarão com vez e voz nesse governo”, sustentou o prefeito.
Ainda no discurso de agradecimento, Ricardo disse que a população pessoense deseja mais projetos e obras e não práticas antigas que seus adversários costumavam implantar na campanha. “Por isso, acredito que a campanha sairá bem mais barata”, afrmou.

quinta-feira, 6 de março de 2008

PSB reúne 30 pré-candidaturas e traça calendário de organização até a convenção


Contando com 30 das 39 pré-candidaturas para a Câmara Municipal de João Pessoa, o Diretório Municipal do PSB – Partido Socialista Brasileiro, esteve reunindo na noite desta quarta-feira (05) na sede do Sindicato dos Engenheiros, centro da capital.

A reunião foi uma das primeiras iniciativas do Diretório para a formatação do perfil da campanha socialista em 2008, e contou com a participação de toda a bancada socialista na Casa de Napoleão Laureano, além dos deputados estaduais Leonardo Gadelha, Guilherme Almeida e Carlos Batinga.

Durante o encontro, foi realizada uma exposição inicial do quadro eleitoral desenhado para as próximas eleições, com a apresentação das candidaturas do PSB e suas principais áreas de atuação, além de alguns comentários do setor jurídico sobre o pleito de 2008.

Como uma das principais sugestões colhidas do debate, será criada uma Coordenação de Campanha, que tratará da organização das pré-candidaturas até a convenção do PSB, que é a instância final para definição das candidaturas, e a definição de um calendário de debates setoriais.

Em virtude da publicação das novas normas eleitorais emanadas do Tribunal Superior Eleitoral só ter ocorrido no início da noite desta quarta-feira, o setor Jurídico do PSB, representado pela banca de advogados do escritório de Dr. Ricardo Sérvulo e Dra. Patrícia Paiva, solicitou ao Diretório agendar para os próximos dias uma nova reunião, quando será apresentada uma cartilha com o detalhamento das principais mudanças.

Confira abaixo os 30 nomes que já confirmaram a intenção de disputar a indicação do partido para uma das cadeiras na Câmara Municipal pessoense. As outras pré-candidaturas, embora justificando sua ausência, não enviaram representantes para a reunião.

Nomes das Pré-Candidaturas apresentadas ao PSB em Ordem Alfabética:

Alba Lygia Brindeiro Araújo de Oliveira
Angela Maria Gomes
Antonio Barbosa de Araújo
Antonio José Barbosa (Tony Barbosa)
Aracilba Rocha - (representada)
Assis Almeida
Edir Mendonça
Edmilson Soares
Eduardo da Silva Dornelas
Evanildo do Nascimento (Carvalho)
Fabiano Sales Vilar
Flávio Eduardo - Fuba
Fred Pitanga
João Franca Neto
José Freire da Costa (Zezinho do Botafogo)
José Martins de Lima Filho
Leonardo de Oliveira Macedo - Leo
Lourdinha Dantas
Maria Aparecida P. Pontes (Cida)
Maria do Carmo Fernandes de Souza
Maurício Carneiro de Andrade
Padre Adelino
Paula Frassinete Lins Duarte
Pedro Pontes de Alcântara
Renilda Bezerra de Albuquerque
Romero Maia - representando Nery
Rômulo Gondim
Sandra Marrocos (representada)
Ubiratan Pereira - Bira
Vladimir Mortarelli


TSE divulga regras para as eleições de outubro

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nota nesta quarta-feira (06), com as últimas regras referentes às próximas eleições municipais. Elas devem ser publicadas no Diário de Justiça de sexta-feira. De acordo com o TSE, 13 resoluções definem as regras para os pleitos previstos para outubro.
Foram definidas regras para a fiscalização do sistema eletrônico de votação; arrecadação e a aplicação de recursos por candidatos e comitês financeiros e prestação de contas; propaganda eleitoral e as condutas vedadas aos agentes públicos em campanha eleitoral, entre outras.

Maiores informações em www.tse.gov.br

Deputado Marcondes Gadelha toma posse na presidência da Comissão de Relações Exteriores que acompanhará conflito entre Colômbia, Equador e Venezuela


O deputado Marcondes Gadelha (PSB-PB), que tomou posse nesta na presidência da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, disse que a Comissão irá acompanhar de perto o conflito diplomático gerado na América Latina (AL) no último final de semana, devido ao ataque da Colômbia, em território equatoriano, culminando com a morte de um líder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e outros 16 guerrilheiros. Para piorar a situação, o presidente da Venezuela, Hugo Chavez, está sendo acusado de ter doado 300 milhões de dólares para as Farc.
Segundo o socialista, a Comissão vai ser o foro permanente de discussão de temas como a possibilidade de guerra na AL. A idéia é apresentar moções e projetos de indicação, além de criar subcomissões para atuar em conjunto com os parlamentos dos países envolvidos no conflito.
O deputado informou que a Comissão de Relações Exteriores irá trabalhar em colaboração com o Itamaraty. Em sua opinião, o governo brasileiro está conduzindo bem essa questão, uma vez que exigiu que o governo colombiano peça desculpas ao Equador e que os países vizinhos não interfiram no assunto. "Os últimos acontecimentos são bastante temerários.Temos que aliviar a tensão no local. A Colômbia já vive uma situação difícil, com inimigo dentro de casa nesses 40 anos em que esse grupo de insurretos aliados aos narcotraficantes põem em risco a democracia com a qual o país sempre teve compromisso", disse.
Gadelha afirmou ainda que, se comprovada, a prática de financiamento da guerrilha por parte de Hugo Chavez deve ser condenada com veemência pelo Brasil.
Seminário
O presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT/SP), que participou da posse de Gadelha, informou que a Casa irá organizar um seminário sobre o papel do Legislativo nas questões internacionais e elencar a quais entidades poderá se vincular para debater esse assunto. Apesar de reconhecer que é o Executivo que conduz esse assunto, ele ressaltou que o Legislativo tem o dever de agir em favor do bem comum. "Não há democracia sem Parlamento", lembrou Chinaglia.
Gadelha foi eleito por unanimidade para comandar a Comissão de Relações Exteriores. A eleição foi acompanhada por embaixadores de diversos países e integrantes das Forças Armadas Brasileiras. O embaixador Samuel Pinheiro Guimarães representou o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorin.

Dinêz Costa – Liderança do PSB na Câmara

segunda-feira, 3 de março de 2008

PSB reúne pré-candidatos a vereador nesta quarta-feira

O Diretório Municipal do Partido Socialista Brasileiro (PSB) de João Pessoa, realiza nesta quarta-feira (05), uma reunião com todas as pré-candidaturas socialistas à Câmara Municipal da capital.
De acordo com o vice-presidente da legenda em João Pessoa, professor Ronaldo Barbosa, a reunião que está marcada para as 18h, será realizada no Auditório do Sindicato dos Engenheiros e terá como pauta principal a organização da campanha e as eleições 2008.
Barbosa informou que todas as pessoas que são filiadas ao PSB e que pretendem disputar uma cadeira na casa de Napoleão Laureano, estão sendo contactadas e mobilizadas para participar desta reunião, que dará início a uma nova fase de organização da campanha das candidaturas proporcionais. Segundo Ronaldo Barbosa, o Diretório Municipal já tem uma relação com 42 nomes que podem disputar a vereança em João Pessoa, e deverá trabalhar com todos estes nomes para ocupar novas cadeiras no parlamento mirim. "O PSB tem que estar à altura dos desafios colocados pela iminente reeleição do companheiro Ricardo Coutinho, ampliando a sua bancada de sustentação na Câmara e levando o ideário socialista cada vez mais longe", disse.

domingo, 2 de março de 2008

Obrigado Ricardo Coutinho


Centro de Referencia em Educação Infantil, uma escola de verdade onde os pequeninos recebem ensinamentos e descansam.


MARCUS ARANHA

Ela nasceu em 1913, em Goiana, Pernambuco. Fim de rama, a única mulher no meio de quatro irmãos homens. A mãe, de prendas domésticas, o pai, senhor de engenho. Ficou órfã de ambos aos cinco anos.
Entregaram-na a uma tia freira, com quem ela foi morar no Colégio Sagrada Família de Olinda.
Cresceu e tiveram de colocá-la em outro internato. Foi pra Academia Santa Gertrudes aos treze anos, de onde só saiu aos dezoito. Viveu infância e adolescência, durante treze anos, entre religiosas, santos e crucifixos. Aí, cursou a Escola Normal de Pernambuco, o equivalente ao superior pedagógico.
Aos 22 anos era professora, só no mundo, à cata de trabalho. Passou a ter crises de asma. Em 1935 veio pra Paraíba, morar com um irmão solteiro numa pensão, pois soube que o Governo necessitava de professoras. E uma mudança de clima talvez lhe curasse a doença.
Fez um concurso, foi aprovada e nomeada, passando a lecionar no Grupo Escolar Isabel Maria. Dizia ela que foi a primeira vez que a vida lhe sorriu...
O Secretário de Educação lhe designou para presidir um inquérito na cidade de Picuí, onde irregularidades haviam sido praticadas no Grupo Escolar da cidade. Concluiu sua tarefa e ficou por lá respondendo pela diretoria da Escola até que nomeassem nova titular.
Aí conheceu Sebastião, escrivão da Coletoria Estadual do lugar. Uma paixão à primeira vista fez com que eles casassem em 1937. Ora, naqueles tempos, uma órfã de pai e mãe arranjar casamento, era mesmo que ganhar na loteria. Pela segunda vez a vida lhe sorria...
Ficou em Picuí, ensinando a ler às crianças. O marido fez um concurso para Coletor Federal, foi aprovado e nomeado para coletoria de Caiçara. Lá se foi ela para mais uma mudança, mas, desta vez alegre pela vitória do marido. O destino lhe surpreendeu: onze anos depois das núpcias, morre o esposo deixando-lhe três filhos homens. E ela começa a viver uma epopéia: professora, 35 anos, viúva, com o encargo de dar de comer, vestir e educar três homens, com dois, seis e dez anos. E a asma piorando, doença que não lhe dá sossego...
Não havia como continuar no Interior do Estado. Conseguiu transferência para João Pessoa e foi ensinar no Grupo General Wanderley, por trás do quartel do 15º Regimento de Infantaria, em Cruz das Armas.
Morava na Torre... As dificuldades financeiras eram tantas que conseguiu que o comandante do batalhão criasse uma espécie de “Mobral”. Passou ensinar soldados analfabetos, à noite, recebendo por isso uma gratificação. Mourejava como professora durante três expedientes! Muitas vezes, o peito chiando pela bronquite asmática, crises atiçadas pelo pó do giz. O comandante, penalizado, mandava um soldado deixar a professora cansada, em casa, num jipe do Exército, às nove e meia da noite. As dificuldades e a asma continuaram...
Em 1952 surge uma vaga para diretora do “Grupo Escolar João Pessoa”, em Tambaú. Dada a distância da praia até a cidade e as despesas com transporte, era difícil achar quem aceitasse o cargo; por isso a Secretaria de Educação oferecia moradia à Diretora, uma pequena casa nos fundos da escola. Ela aceitou na hora. Quem sabe, o ar puro da praia espaçaria as crises asmáticas. E mais, passava a morar no local do trabalho e livrava-se de aluguel de casa. Mais uma vez, começou a trabalhar também à noite, ensinando a ler aos pescadores, através de uma Campanha de Alfabetização de Adultos promovida pelo Governo. A questão financeira foi aliviada, mas o ar da praia não lhe melhorou a asma...
Na casinha gratuita de Tambaú morou bastante tempo, conseguiu educar os filhos e amealhar uns tostões. Veio pra cidade, indo morar ali na Praça do Bispo. Depois de trinta e seis anos de luta, ensinando a ler, abrindo olhos fechados de analfabetos, a professora aposentou-se.
Partiu para o sonho maior: a casa própria! Construiu uma casinha pelo Montepio, o Instituto de Previdência do Estado, em Cruz das Armas. E depois de 25 anos pagando prestações, escriturou a casa em seu nome. Foi quando se lembrou que há muito tempo, mas muito tempo mesmo, a vida não lhe sorria...
Deu aos três filhos a mesma educação. Com os olhos brilhantes e um sorriso no rosto, assistiu términos de cursos e formaturas. E também a casamentos... Alegre viu netos, e riu quando viu os bisnetos. Completou noventa anos, debaixo de seu próprio teto, na casinha de Cruz das Armas, perto do Grupo Escolar aonde veio ensinar quando o marido morreu.
Nesse aniversário, de manhã eu fui pra lá com um perfume e um buquê de rosas. Cheguei calado e do portão avistei-lhe a imagem, sentadinha na cadeira de balanço. Aproximei-me, beijei-lhe a face e os cabelos tão brancos. Ainda silencioso, abracei aquela velhinha. Também já ficando velho, me emocionei e solucei. Só um pouquinho e bem baixinho pra não mexer com o coração dela. Ficamos nós dois abraçados alguns instantes e depois passamos a conversar a manhã inteira, rememorando os pedaços melhores desta história.
Esta saga tão longa que, abusando da paciência dos que me lêem, estou contando, é a historia da minha mãe, a Profª Antonieta Aranha de Macedo, que Deus chamou um mês depois de completar 90 anos.
Quinta feira passada o prefeito da cidade inaugurou uma creche com o nome dela ali no Bessa. Não foi uma crechezinha qualquer, dessas que serve de “depósito” para crianças cujos pais foram ao trabalho. Não! Foi um Centro de Referencia em Educação Infantil, uma escola de verdade onde os pequeninos recebem ensinamentos, tomam banho, trocam de roupa, se alimentam e descansam, durante todo o dia, das 7 as 17 horas. Coisa de Primeiro Mundo!

Tenho certeza que o gesto do prefeito fez o espírito de minha mãe sorrir.

Muito obrigado Prefeito Ricardo Coutinho!Publicado em o CORREIO DA PARAÍBA de 2 de março de 2008

sábado, 1 de março de 2008

Deputado federal Manoel Junior (PSB-PB) defende a destinação de 3% do PIB para a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico'

Dando destaque ao número de patentes internacionais registradas pelo Brasil em 2007, considerado decepcionante pela agência da Organização das Nações Unidas (ONU), o deputado Manoel Junior (PSB-PB) relator setorial das áreas de educação, cultura, ciência e tecnologia e esporte - discursou no plenário na tarde da última quinta-feira, 28; um verdadeiro alerta aos seus colegas parlamentares quanto à colocação do Brasil no ranking de países com maior número de invenções.
"Este País não irá se desenvolver se não investir nas pessoas que geram e pagam impostos, contribuintes que sustentam não apenas o Poder Executivo, o Poder Judiciário, o Ministério Público, o Poder Legislativo, todas as três esferas de Poder e que sustentam efetivamente o Poder Público. Se não tivermos a coragem de enfrentar esses desafios, fazer com que este País destine não só setor público, mas também na iniciativa privada 3% do Produto Interno Bruto para a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico, estaremos fadados a daqui a 100 anos vivermos num país de métodos primitivos e ver a sua população, como ainda hoje existe, sem atenção à saúde, à educação, sem moradia, sem as mínimas condições de habitabilidade", discursou.
Em seu pronunciamento, o deputado ainda destacou informações divulgadas oficialmente pela agência da ONU responsável pelo setor, a Ompi (Organização Mundial de Propriedade Intelectual) confirmando que apesar de ter crescido 15,3% o número de patentes registradas no Brasil no ano passado, os Estados Unidos continuam liderando o ranking da lista de países com maior número de invenções, porém, é uma empresa do Japão que ocupa o topo da lista. "Os Estados Unidos são uma grande potência em função dos investimentos em educação, pesquisa, ciência e tecnologia. O Brasil ainda está na época do descobrimento, vendendo matéria-prima quando poderia estar investindo em ciência e tecnologia e em produtos manufaturados. Foi investindo em educação, tecnologia e em tecnologia de informação que países como China e Japão, que saiu praticamente arrasado no pós-guerra, que hoje têm um desenvolvimento fantástico".
Um destaque à parte no discurso de Manoel Junior ressaltou o cirurgião cardiovascular pernambucano Luiz Gonzaga Granja Filho, 45, que se diz um inventor nato. Formado pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), filho natural de Belém de São Francisco, no sertão pernambucano, Gonzaga, de técnicas cirúrgicas, medicamentos e até inovações para sapatos, já perdeu as contas de inventos não registrados pelos altos custos das patentes. Com dez registros em 2007 - resultando em 43 no total - , Gonzaga ficou em segundo lugar no ranking da Ompi no Brasil. Sem recursos próprios, ele busca parcerias com investidores para depositar novas patentes. "Dr. Gonzaga tem um defeito grave: inventa, cria, mas não tem o cuidado de proteger suas criações. Aí apareceram aqueles que tomaram para si alguns de seus inventos. Vendo o sacrifício que Gonzaga teve ao longo da sua vida para fazer o registro internacional de 43 patentes, sem nenhum apoio governamental, volto justamente à questão do Orçamento do nosso País".
Manoel Junior anunciou dados do relatório anual divulgado no dia 21 de fevereiro, que relata o número de 384 patentes registradas em 2007 por empresas ou indivíduos do Brasil, colocando o país em 24º lugar entre os 138 signatários do Tratado de Cooperação de Patentes. Os Estados Unidos continuam sendo, de longe, a grande potência inovadora do mundo, com 52.280 patentes em 2007, o equivalente a 33,5% do total. Mas também indica que países asiáticos, como Japão e China, estão avançando rapidamente. "Também me referi à Coréia que há 30 anos apresentava 10% dos pedidos de patentes do Brasil e que hoje é a quarta colocada, logo após uma grande potência, a Alemanha. No ano de 2007, ela apresentou 7.061 pedidos de patentes".

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

PSB ganha mais uma cadeira na Assembléia Legislativa da PB


O ex-prefeito do município de Bayeux, Expedito Pereira (PSB), assumiu nesta quinta-feira (27) o mandato de deputado estadual pelo período de 121 dias, em conseqüência da licença médica do titular, Mário Roberto (PMDB), para tratamento de saúde. A solenidade de posse foi bastante prestigiada por eleitores, familiares e aliados políticos do ex-prefeito.
Dentre as presenças ilustres, o destaque foi para o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho, presidente estadual do PSB.
Inicialmente, a posse seria no plenário, durante a sessão de ontem. Como a sessão foi encerrada antes do previsto, por causa de desentendimento entre situação e oposição, a posse de Expedito foi transferida para o gabinete da Presidência da Assembléia. Como o local ficou pequeno para tanta gente, a posse foi transferida para o salão Nobre Edvaldo Motta, onde Expedito deu entrevistas e recebeu os cumprimentos.
O deputado disse que, na Assembléia, vai adotar uma posição de equilíbrio e de diálogo com os colegas. “Até porque vou precisar deles para a aprovação de alguns projetos importantes que pretendo apresentar em benefício da Bayeux e da Paraíba”, declarou o parlamentar.
Expedito declarou que sua postura será de coerência e sem radicalismos. O radicalismo, segundo ele, não leva a nada. “Por isso, minha postura será de equilíbrio”, frisou o parlamentar do PSB. Expedito disse que vai defender, na tribuna da Assembléia, a abertura de indústrias que estão fechada sem Bayeux, para que possam surgir novas oportunidades de trabalho.
Também vai defender a construção de casas populares e a conclusão das obras de saneamento. “Bayeux tem milhares de tubos enterrados, mas o saneamento não funciona por falta de uma lagoa de tratamento de esgotos”, disse o deputado do PSB.
O parlamentar afirmou que tem responsabilidades sobre a cidade de Bayeux e que vai aproveitar este curto mandato para fazer proporcionar ao povo bayeuxense a recuperação de sua auto-estima, que está em baixa desde que o início da atual gestão municipal, que não tem correspondido com as expectativas, principalmente das pessoas mais humildes”.
Expedito confirmou que será candidato a prefeito, nas eleições de outubro, e que vai derrotar o rolo compressor da administração municipal. “Vamos ganhar a Prefeitura de Bayeux porque o povo não suporta mais tantos desmandos administrativos na atual gestão”, frisou Expedito Pereira.

FONTE: Correio da Paraíba - Adelson Barbosa

Redes Sociais

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites